Skip to content

Uma mágica Ilha Deserta

15/05/2009

Venho tarde mas foi o possível, pois para uma viagem destas há muito em que se pensar!…

Não me imagino agora a ir para uma ilha deserta e lá ficar durante 10 anos. Talvez o mais próximo que me lembre de uma situação semelhante, na minha vida adulta (pois em criança andei por África), foi quando visitei a praia da Ilha da Barreta, mais conhecida exactamente por Ilha Deserta, na zona da Ria Formosa, Faro, Algarve, e que, na altura, para além de uma cabana (mesmo) a servir de (bom) restaurante, e de meia dúzia de veraneantes espalhados pelo longo areal, não havia nada mais, mesmo! 

Na praia, o areal não tem fim à vista, são cerca de dez quilómetros de silêncio e de sossego, tanto na praia marítima como na praia da ria. É uma área completamente desabitada da Ria Formosa. O cordão dunar mantém preservada a sua vegetação original, bem como a capacidade de abrigar fauna.

Lembro-me que no final do dia, já com o pôr do sol, a olhar para as ondas que se formavam num mar “deserto”, a sentir o vento que começava a correr forte, no meio do areal imaculado, sentia-me um pouco “crusoé”, ou para ser mais moderna, “survivor”…mas depressa acordei porque o último “barco” já tinha chegado e nem eu nem a minha família  estávamos interessados em testar as nossas capacidades de resistência à noite!

[rockyou id=137676201&w=500&h=375]

(As fotos foram retiradas do Flickr e outros sites)

Sendo assim, e de acordo com a minha “vasta” experiência no assunto, para ficar numa ilha deserta do Pacífico durante 10 anos, acho que levaria:

  1. O meu querido e indispensável companheiro (que leva nos bolsos um canivete suiço e um isqueiro com recargas)
  2. Livros e livros (o Hypnerotomachia, claro, e livros de arte e história com muitas imagens, para me deleitar)
  3. A tecnologia indispensável: telemóvel por satélite (ah!) que já vem com carregador solar (afinal a Natureza é que nos salva mesmo!) Assim posso encomendar pizzas e outras iguarias, mantimentos, ferramentas, etc, resolver emergências… E ver os noticiários, manter os contactos, ver o mail, o blog…
  4. Cabana portátil com todos as comodidades possíveis (deve haver…)
  5. Comprimidos para tornar a água potável (já ouvi falar…)

 Este post é a minha participação na colectiva Tertúlia Virtual, todo o dia 15!

10 comentários leave one →
  1. 15/05/2009 22:57

    Olá, que moderna suas opções, achei muito legal, não tenho muita informação sobre energia solar e coisas do tipo, mas já vi algumas matérias sobre o assunto.
    Se for assistir noticiário, sua tv na ilha vai lotar de gente como eu que não tivemos a esperança da comunicação televisiva. rs

    Beijos e muito bacana seu blog
    Volto com mais calma
    Chris

  2. 15/05/2009 23:27

    Ideias maravilhosas…e que ilha..Lindaaaaaaaaa
    Sou nova na Tertúlia e adorando as respostas..
    Super beijos
    Regina d´Ávila

  3. 16/05/2009 02:13

    Gostei das opções…
    Muita tecnologia… de uma próxima vez tenho que me informar dessas coisas antes de ‘cair’ em outra ilha deserta…

    Até mais;

    Rosalin
    http://rosalinscheily.spaces.live.com

  4. 16/05/2009 11:29

    Maria,

    muito bem cuidada sua postagem e escolhas! Obrigado por “viajar” com a gente! Espero que aproveite a Ilha!

    • 19/05/2009 23:39

      Então posso levar a minha “pequena lista” não é? Obrigada e até à próxima viagem!

  5. 16/05/2009 21:04

    Marialynce, este “ilha deserta” é mágica mesmo…Pra o Pacífico, você tem a vantagem de ir bem equipada, além de poder receber abastecimento quando necessário, pois possui meios de comunicação. Tuas escolhas foram muito judiciosas, a energia solar atualmente resolve estes problemas de abastecimento em lugares isolados…nestas ilhas só nos resta torcer para que não haja um tsunami, para o resto nos garantimos rs. Mas eu também prefiro a civilização…
    Beijos e um bom fim de semana para você.

  6. 16/05/2009 21:15

    achei dificil esta tertulia, mas não deixou de ser interessante, pois nos fez pensar e repensar e muito, não foi??
    gostei de suas escolhas….
    tbm estou participando, dá uma olhadinha lá.

    • 19/05/2009 23:41

      Não foi fácil, não. Dei comigo a pensar naquilo que realmente é importante na vida… Com certeza irei verificar a sua malinha…
      Abraços

  7. 18/05/2009 01:14

    Olá amiga.
    Poucos blogs portugueses participam na Tertúlia e é sempre um prazer descobrir um.
    Fez uma lista excelente mas muito inflacionada, creio que na fronteira onde está o Edu e o Jorge controlando tudo, não vai conseguir passar rsrs.
    Eles inclusivé revistam o pessoal, não dá para fazer “batota”…é mesmo cinco coisas apenas.
    Dificíl, não é?
    Foi um desafio esta Tertúlia.
    Beijo amigo. (Amei as fotos)
    Nely.

    • 19/05/2009 23:30

      Participar nestas tertúlias é sempre um desafio, no meio de tantos blogs diferentes e interessantes como são os brasileiros. Vou tentar passar com as minhas “cinco” coisinhas… pode ser que tenha sorte…
      Abraços

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: