Skip to content

Dune

03/10/2008

Recordo hoje aqui aquele que, para mim, é o mais surpreendente filme de ficção científica,  “Dune”, de David Lynch. Um projecto de 1984, baseado no aclamado livro de Frank Herbert, que envolveu imensos meios e anos para a sua concretização. O resultado é uma longa aventura fantástica centrada na luta ancestral entre o bem e o mal, através do protagonista (um dos actores fetiche de Lynch, Kyle MacLachlan) que tem a missão de salvar o universo, no ano de 10 191.

Os ambientes são densos, negros, as personagens dramáticas, as situações muitas vezes cruéis, a escala monumental. 

Como ficção científica “Dune” surpreende pela diferença a vários níveis, como o ambiente que é caracterizado pela inexistência de computadores ou robôs; o sistema  socio-político  baseado na noção de “feudo” medieval, onde as casas nobres governam cada sistema estelar (feudos); a rodear a história principal desenvolvem-se várias intrigas envoltas em dilemas filosóficos, políticos e até psicológicos.

A banda sonora, dos Toto, exalta a tragédia e constrói o desconhecido, a começar pelo tema “Prophecy” de Brian Eno, aqui numa encenação “fractal” :

Resumidamente a história desenrola-se no ano de 10191, quando a mais preciosa substância no Universo é uma especiaria denominada “Melange”, uma preciosa droga vital usada pelos Guild Navigators para viajarem instantâneamente entre galáxias e que igualmente lhes prolonga a vida. Mas esta especiaria existe apenas num planeta em todo o Universo, Arrakis ou Dune, um planeta desolado, coberto por desertos. Duas grandes famílias rivais, os Atreides e os Harkonnens, lutam pelo controlo das operações de extracção da especiaria em Arrakis. Quando o seu pai, o Duque Leto Atreides, é assassinado pelo perverso Barão Harkonnen,  Paul Atreides e a sua mãe Lady Jessica viajam até ao planeta desértico e são acolhidos pelos Fremen, nativos de Arrakis. Sob a influência da “Melange”, Paul percebe que tem poderes especiais e que consegue prever o futuro. Assim estabelece uma união com os Fremen e forma um exército de guerreiros que conduz a uma batalha contra o Barão Harkonnen e o corrupto Imperador Padishah Shaddam IV, para vingar o seu pai e libertar Arrakis e o seu povo da tirania do imperador, cumprindo o seu destino que mudará o curso da humanidade.

Para saber mais detalhes da história.

3 comentários leave one →
  1. 03/10/2008 23:03

    Li alguns livros da série “Duna” ha muitos anos atrás, acredito que na década de 80. Eram tramas muito bem ficeladas, que prendiam a atenção, o estilo que aprecio como ficção científica. Não sabia que havia o filme também, obrigada pela informação.
    Abraços e um bom fim de semana para você.

  2. 04/10/2008 20:32

    Olá Maria,

    Desde já agradeço o seu comentário no meu blog,

    Quando aos bebés enquanto seres “dentro da barriga da mãe”, está provado ciêntificamente que já na barriga se tornam seres, e prova disso é a capacidade que temos de definir a nossa personalidade mesmo ainda sendo aquilo que nomeei “como que um orgão de uma mãe”

    Aquilo que quis indicar no meu blog é que não devemos pensar nos outros como objectos da nossa posse, era uma questão de liberdade, e infelizmente muitas mães grávidas tentam ignorar o facto vivendo como se a sua vida fosse só sua, quando afinal está a dar vida a outro ser… era nisso que eu me queria focar, e por esse motivo não nomeei o pai!

    Aquilo que eu acho é que quando um casal tem um “acidente”, ambos têm o mesmo direito de opinar sobre a vida de um filho, mesmo que eles não tenham o bebé em conta como um ser, mas sim como um “objecto” possuido por eles! Mas isso já depende de cada um de nós!

    Mais uma vez obrigado,
    e boa sorte =)

    Beijinhos

  3. 06/10/2008 10:10

    Lembro-me bem de um jogo baseado nesse universo. Fiquei curioso, em relação à história e à sua posterior conversão cinematográfica.🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: